CNSE – Moto Espinha: Diogo Vieira vence em casa

Diogo Vieira venceu a segunda prova do calendário 2022 do Nacional Super Enduro.

225

Com a vitória de Diogo Vieira ainda presente na memória dos seguidores do campeonato nacional de Super-Enduro, a segunda etapa do calendário 2022 levou o piloto da Gas Gas precisamente até casa…Vila Nova de Gaia, onde no Campo de Manobras da Serra do Pilar foi discutido o segundo confronto do ano.

Uma prova onde Vieira venceu em todas as frentes, batendo sempre Luis Oliveira tanto na qualificação com nas três finais realizadas para somar a pontuação máxima na prova  – 63 pontos – face ao campeão nacional de enduro que foi o segundo na frente de Ni Esteves, sempre terceiro nas três corridas realizadas num traçado com pouco menos de 600 metros de perímetro e que reuniu uma dúzia de pilotos na classe maior, a Elite. Joel Vieira foi o quarto no final da noite e Paulo Felicia o quinto.

Na Open, com 14 pilotos em competição, Diogo Rodrigues replicou o sucesso de Vieira e venceu em todas as três finais para derrotar Frederico Rocha, segundo nas duas primeiras corridas e terceira no derradeiro momento da noite, ele que fez aqui a sua estreia na modalidade depois de um ano de sucesso no enduro nacional. José Ferreira foi o terceiro na frente de Ricardo Silva e João Miguel. Em pista estiveram igualmente dezena e meia de pilotos ‘hobby’, com vitória de Marcelo Carneiro.

Artigo anteriorCalor alentejano
Próximo artigoCNSX Jogos Santa Casa: Guarda no regresso ás pistas