Góis consagrou campeões nacionais TT 2021

A fechar o campeonato a vila de Góis decidiu os títulos TT 2021.

106

Depois da pandemia ter forçado ao adiamento da abertura do campeonato nacional TT 2021 na vila beirã de Góis, foi precisamente pela mão do experiente Góis Moto Clube que a temporada fechou depois da ronda ter sido colocada no fecho do ano desportivo.

Desenhada com o tradicional esquema de PEC’s tradicional na ronda goiense do campeonato nacional, esta derradeira prova do ano apresentou a pilotos e máquinas um total de 295,5 quilómetros ao cronómetro divididos pelas três PEC’s do primeiro dia e uma única PEC no dia de encerramento do campeonato nacional, todas desenhadas nos concelhos de Arganil, Góis, Oleiros e Pampilhosa da Serra.

Com título ainda por decidir em todas as três disciplinas em competição: motos, moto 4 e SSV, foi por isso sem surpresa que todo o fim‑de‑semana foi vivido com elevada intensidade por parte de toda a caravana que mais uma vez encheu de côr e animação a hospitaleira vila que acolheu uma ronda do campeonato pela 28ª vez.

Cumpridos os três troços do primeiro dia com um total de 223,5 quilómetros e um derradeiro com curtos 72 quilómetros para decidir os resultados, foi António Maio quem não só assegurou o triunfo final com três minutos e meio de vantagem face a Gustavo Gaudêncio mas garantiu também a conquista de um novo ceptro maior do TT nacional. Gonçalo Bandeira começou a prova a vencer e fechou no degrau mais baixo do pódio, na frente de Micael Simão e Fábio Magalhães, o primeiro garantindo a vitória na TT3 e o segundo na TT1. Entre os Moto 4 foi Luis Engeitado quem fechou a prova no degrau mais alto do pódio com margem de conforto face a Luis Pimenta, o segundo na frente de Rafael Carvalho.

Como era esperado a decisão nos SSV foi mais renhida mas logo no final do dia inaugural Roberto Borrego tomava de assalto a primeira posição da classificação geral, não mais largando a liderança até ao final, posição essa que lhe valeu também a conquista do título nacional. Uma vitória alcançada face a Nelson Caxias e Alexandre Pinto após dois dias onde o anterior líder do campeonato, João Monteiro, enfrentou percalços e dificuldades inesperadas que o levaram a corrida no sétimo posto, insuficiente para somar os pontos necessários para voltar a ser campeão nacional.

O TT nacional terminou assim o seu ano desportivo, restando agora as 4 Horas TT de Fronteira no programa dos SSV e o campeonato nacional Rally Raid que se inicia já no próximo fim‑de‑semana em Mação.