Naked Bike animaram Jerez de La Frontera

As 'naked' foram até Jerez de La Frontera para uma animada ronda.

131

No fantástico fim-de-semana de 22 e 23 de Maio, os Troféus de Naked Bikes (TNB), rumaram à Andaluzia, com o apoio da FMP, para animarem a ronda 2 do CIV – Campeonato Interautonómico de Velocidad no mítico circuito de Jerez Ángel Nieto, com este a receber público nas bancadas pela primeira vez desde 2019!

As ‘naked bike’ dos troféus Tuonocup e Zcup viram a sua grelha própria reforçada com a Z de Marco Perez com esta ronda do CIV a ter ‘casa cheia’ (250 participantes) e a estrear o regresso do público às bancadas, bem presente apesar de condicionado, controlado e limitado.

Os treinos livres aconteceram na sexta-feira como é norma nestas paragens, com alguns pilotos a virem pela primeira vez a esta pista e outros pela primeira vez com estas motos. Os mais rápidos das Tuono evoluíram até ao segundo 55 enquanto nas Z900 os tempos baixaram até ao segundo 58, numa pista mais lenta do que habitual.

Nos cronometrados de Sábado, com um calor abrasador e partilhado com outra categoria do CIV, a Aprilia Tuono 1100V4 de Duarte Amaral faz a pole (1:54.081), seguida da de Bogdanov (1:55,040) e da de Vicente (1:55,162) que completaram a linha da frente, com a Kawasaki Z900 de Frédèric Bottoglieri a fazer a ‘pole’ entre as Zs e 6º à geral (1:1:57,661), seguido pelas de Ricardo Pires (1:58,015) e da de Marcos Leal (1:58,629) com todos a mostrarem-se muito rápidos.

Na corrida de sábado, a Tuono de Bogdanov fez o ‘holeshot’, na frente da Tuono de Amaral e da incrível Z900 de Bottoglieri, esta a vir ‘lá de trás’ para superar as 3 Tuono que estavam na sua frente!

A Tuono de Amaral, recupera a liderança na volta seguinte, seguido pela de Bogdanov e pela de Vicente que na recta interior, logo na volta de abertura, já tinha recuperado o 3º lugar à geral à Z de Bottoglieiri. Vicente, sobe a 2º na volta 3 por troca com Bogdanov enquanto Amaral lidera. Na volta 5, Vicente sobe à liderança da corrida com Bogdanov na sua peugada a superar também Amaral. Este trio segue ‘coladinho’ a rodar no segundo 52 baixo e, na volta seguinte, Bogdanov sobe a 1º para, numa sequência de voltas rápidas, vencer a primeira corrida do fim-de-semana andaluz e registar o melhor tempo do fim-de-semana!

Nas Z900, Bottoglieri imiscuia-se na luta entre as Tuono de Sousa e Franco e larga a Z de Pires que supera a Z de Leal depois deste ter um susto na curva 2 da volta de abertura. Leal roda mais rápido do que Pires mas não o suficiente para anular a distancia, fechando o pódio das Z900, com Bottoglieiri a vencer e Pires em segundo.

Na corrida de Domingo, é a vez da Tuono de Amaral fazer o ‘holeshot’ na frente das Tuono de Bogdanov e Vicente, com a Z900 de Bottoglieiri a superar as Tuono de Sousa e Franco.

No início da volta 3, Bogdanov passa Amaral na travagem da recta principal e sobe à liderança da corrida, com Vicente em cima de Amaral. Na volta 5, Vicente sobe a P2 por troca com Amaral e começa a perseguição ao líder Bogdanov que supera na volta 8. Amaral ainda ensaia seguir o novo líder na forte travagem da recta interior, mas decide não forçar. Este trio segue colado até à última curva da última volta, onde Bogdanov aproveita a abertura de Vicente nesta forte travagem para vencer também a 2ª corrida do fim-de-semana e a 4ª desta temporada! Muito bom!!

Nas Z900, Bottoglieri volta a imiscuir-se na luta entre as Tuono de Franco e Sousa e depois de dar muita luta à Tuono de Franco, vence também a 2ª corrida do fim-de-semana e sua 4ª desta época. Está forte o francês!  Desta vez é Pires que faz erros durante a corrida, mas ainda consegue assegurar o último lugar do pódio atrás da Z de Leal que faz P2 com autoridade.

Realce para a evolução de Reis na sua Z900 que consegue bater o experiente espanhol Marco Pérez, também de Z900, nesta sua estreia em Jerez.

Os participantes dos Troféus Tuonocup e Zcup, despedem-se da hospitalidade espanhola e regressam a Portugal para a sua 3ª ronda no circuito do Estoril, já no fim-de-semana de 5 e 6 de Junho.