Campeonato do Mundo de Enduro – Diogo Ventura ameaçou ganhar

243

Diogo Ventura esteve perto de fazer história, pois pouco faltou para ganhar um dia de prova no “Mundial” de Enduro. Aconteceu em Espanha, onde Ventura e Luís Oliveira voltaram a estar em destaque na classe Júnior.

A ronda espanhola do “Mundial” de Enduro disputou-se em Jerez de la Frontera, com o “paddock” instalado no complexo do circuito. Os 94 participantes tinham pela frente um exercício diário de três voltas ao percurso de 67 Km, sob elevada temperatura – os termómetros acusaram 34.º – e bastante pó no terreno.
Na classe Júnior, Diogo Ventura entrou ao ataque e esteve envolvido na luta pelo triunfo. Acabou por ficar em 2.º lugar, apenas a 21 segundos do vencedor, Jamie McCanney. “Estive sempre muito rápido nas “especiais”, mas quedas em duas delas condicionaram um pouco o resultado, ficando mais longe da vitória pela qual lutei até meio da corrida. Na derradeira especial ressenti-me um pouco dos braços e perdi mais algum tempo, mas estou muito satisfeito,” afirmou o piloto de Góis.
Hoje, Ventura estava outra vez a discutir os lugares de pódio mas sofreu um percalço na última classificativa, quando saltou o tubo de gasolina e perdeu mais de 40 segundos para os homens da frente. Ainda assim foi 7.º classificado.
Bastante regular esteve Luís Oliveira, 4.º classificado nos dois dias, sempre a menos de 35 segundos do vencedor da classe Júnior, na qual também João Lourenço alinhou no primeiro dia, sendo 19.º classificado. Porém, o piloto lesionou-se após queda, e por precaução – o G.P. de Portugal é já no próximo fim-de-semana – optou pela ausência na etapa de hoje.
Já na classe sénior E3 – Luís Correia foi respectivamente 8.º e 7.º colocado, mas o piloto ribatejano está ainda em convalescença de lesão num pulso, sofrida em treinos privados na semana seguinte à abertura do Campeonato no Chile. Na próxima ronda, em Gouveia, o piloto espera poder oferecer melhor rendimento. Quanto a Gonçalo Reis, bisou no 12.º lugar da classe E2.
Em termos de Campeonato, após duas jornadas Diogo Ventura é 4.º classificado na classe Júnior, apenas a 1 ponto do 3.º. enquanto Luís Oliveira surge na 5.ª posição, a 2 pontos do compatriota. Luís Correia ocupa o 9.º posto na E3.