EnduroGP decide-se em Portugal

Marco de Canaveses decide os títulos mundiais de enduro 2020.

354

É em Marco de Canaveses que se vão decidir os títulos mundiais de enduro 2020 e todos querem ganhar, facto que por si já é sinónimo de espectáculo garantido nos próximos dois fins-de-semana.

Em cada fim-de-semana ocorrem três provas especiais, com partida do Paddock instalado no Largo da Feira de Marco de Canaveses.

No primeiro fim-de-semana – 7 e 8 de Novembro – os pilotos seguem para o Parque de Lazer de Tuías, onde irá decorrer a especial Enduro Test; depois rumam a Bem Viver, local que irá acolher a especial Cross Test Paulo Gonçalves (em homenagem ao piloto falecido este ano); e terminam em Montedeiras, com a especial Extreme Test. Esta última é descrita pelo director de prova, Pedro Bianchi Prata, como “a mais espetacular, com um sítio muito bonito, ao ar livre.” pela extensão do percurso.

No fim-de-semana seguinte, 14 e 15 de Novembro, a orientação de prova é feita em sentido inverso. As três voltas correspondem a cerca de 6h45m de corrida por dia.

“Vamos ter aqui os melhores de cada país a representar as suas nações e as suas equipas. Todos vão lutar e vai ser um espetáculo único.”, salientou Pedro Bianchi Prata, reforçando que o panorama mundial, as contingências e os cuidados a ter são desafiantes.

Organizar uma prova em tempos de pandemia “É um desafio maior, temos regras bem apertadas na organização e vamos precisar que o público – que terá acesso vedado ao paddock e às especiais – as respeite e que siga exatamente as orientações da DGS para que tudo corra bem.” completou o director de prova.

“Destaque para o facto do Paddock ser vedado ao público e para a retirada das habituais noites de Super Especial do programa. Os acessos rodoviários às Especiais também vão estar fechados.”