Baja de Portalegre decide temporada no TT

Tudo por decidir nas pistas alentejanas ao longo deste fim‑de‑semana.

194

A Baja Portalegre 500 só por si é já uma prova incontornável nas agendas da grande maioria dos pilotos, mas este ano é o ainda mais. Numa situação não muito habitual, a mais antiga e mais prestigiada prova de Todo Terreno do País vai decidir praticamente todos os títulos em disputa.  Ou seja, um furo, um pequeno desaire, ou um mero segundo podem marcar a diferença entre a glória e um ano inteiro de trabalho e dedicação deitado por terra.

Ao rubro está a competição nas Motos, Quads e SSV. Na classificação absoluta das duas rodas Daniel Jordão é o líder (105), com Salvador Vargas a 13 pontos e Bernardo Megre a mais seis de distância. Margens curtas que deixam antever, tal como em outros anos, lutas muito emocionantes até ao último quilómetro com todos os pilotos a darem o que têm, e não têm, para chegarem ao título.

Já nos SSV as decisões fazem-se a quatro. Pedro Santinho Mendes chega em vantagem, com 97 pontos, e a verdade é que até pode vir a beneficiar do facto de três rivais em condições de chegar à coroa. Isto porque Pedro Carvalho (78), Vítor Santos (76) e João Monteiro (71) estão separados entre si por apenas sete pontos e podem muito bem acabar por se perder numa luta mais directa entre si e deixar algum espaço para Santinho Mendes levar a cabo uma prova mais tranquila. A ver, o desenrolar da prova o dirá.

Enquanto isso, nos Quads, a categoria com menos candidatos à glória, Luís Engeitado defende a liderança da classificação (125 ppontos) seguido do recordista de vitórias na Baja, Roberto Borrego (100), em segundo. Uma margem algo confortável, mas nem por isso imbatível, ainda para mais com “Beto” Borrego seguramente apostado em assinar o oitavo triunfo na prova do ACP.

Nas motos existem também em prova pilotos sem aspiração ao título, mas que podem influenciar de forma determinante o resultado final. São eles António Maio e Sebastien Bülher, nas duas rodas, e Ruben Faria nos SSV. Ingredientes mais que suficientes para garantir um fecho de temporada de Todo Terreno repleto de emoções fortes.