CNSE Moto Espinha: Título fica com Diogo Vieira

Portalegre recebeu a última prova do campeonato nacional Super Enduro.

286

No encerramento de uma curta mas competitiva temporada no campeonato nacional Super Enduro foi Diogo Vieira quem confirmou a renovação do título maior da disciplina em Portugal.

A cidade de Portalegre acolheu em noite de temperaturas elevadas a prova de encerramento numa das poucas pistas permanentes da modalidade em Portugal e mesmo em período de férias foram quase 30 os pilotos que marcaram presença na prova alentejana.

Invicto desde o arranque de época depois de um ano de paragem forçada devido á pandemia, Vieira fechou da melhor forma o campeonato ao vencer as três finais realizadas no traçado de Portalegre. Sempre secundado por Luis Oliveira – que foi mesmo o único a conseguir bater Vieira aquando da qualificação – Vieira renovou assim de forma perfeita o lugar de ‘rei do super enduro’ numa noite onde Paulo Esteves foi o terceiro na frente de Gerard Sala e Gonçalo Sobrosa. Nota ainda para a presença de Rita Vieira que foi sexta classificada.

Na Open Manuel Moura venceu duas da três finais, foi segundo na intermédia e subiu ao degrau mais alto do pódio com autoridade perante Rodrigo Luz, o segundo com três pontos de diferença para Marco Ferreira. José Ferreira terminou com o mesmo número de pontos mas o resultado  da terceira final decidiu o degrau mais baixo do pódio. Na quinta posição fechou Frederico Rocha.

Com 13 pilotos em competição a vitória nos Hobby pertenceu a Fernando Salgueiro na frente de Ricardo Gomez e Pedro Macias.