Escuderia Castelo Branco ajuda a debelar incêndio no Pinhal Interior

A Escuderia de Castelo Branco ajudou no combate ao incêndio que deflagrou no Pinhal Interior.

240

A Escuderia Castelo Branco colaborou activamente com as autoridades da Protecção Civil para atacar, controlar e debelar um incêndio que lavrou durante o dia na região de Proença-a-Nova, onde se realizou a Baja TT do Pinhal, prova pontuável para os respectivos campeonatos nacionais de motos e automóveis e para a Taça do Mundo de Bajas de motos. Apesar de não afectar as pistas onde competiam os muitos concorrentes, a Escuderia Castelo Branco envolveu, de imediato, todos os meios que tinha ao seu dispôr, nomeadamente bombeiros, para que atacassem o fogo e este não assumisse proporções maiores.

As condições atmosféricas, em particular o forte vento que se fazia sentir, contribuíam para que as chamas evoluíssem rapidamente. Todos os elementos da organização agiram com prontidão e rapidez para que, em conjunto com as autoridades, não houvesse consequências mais graves.

A Escuderia Castelo Branco colaborou de forma activa com a Protecção Civil, com a Guarda Nacional Republicana e com os Bombeiros Voluntários de Proença-a-Nova, os únicos envolvidos no combate às chamas.

“O incêndio começou quando os concorrentes de motos estavam em competição. Assim que os comissários se aperceberam da coluna de fumo avistada à distância, alertaram a direcção de corrida e as autoridades, que rapidamente accionaram o dispositivo de combate. Os bombeiros que estavam ao serviço da segurança da Baja TT do Pinhal foram imediatamente colocados ao serviço do comando responsável pela estratégia de ataque ao incêndio”, afirmou o Presidente da Escuderia Castelo Branco.

O fogo durou algumas horas e teve cerca centena e meia de operacionais no combate. Durante a tarde, a Escuderia Castelo Branco encurtou de forma considerável o último sector selectivo da competição reservada aos automóveis para que as operações não fossem condicionadas e a segurança de todos não fosse posta em causa.