TT na Beira Baixa

53

António Maio, Roberto Borrego e João Lopes venceram na Baja TT Proença-a-Nova/Oleiros/Mação

Em dia de intenso calor discutiu-se ontem na Beira Baixa mais uma jornada do campeonato nacional de Todo-o-Terreno 2015 com a realização da Baja TT Proença-a-Nova/Oleiros/Mação. Com organização a cargo da experiente Escuderia de Castelo Branco, a
prova dividiu-se em dois dias, com o primeiro (sexta-feira) a ser reservado aos pouco mais de novo quilómetros do prólogo e o segundo, realizado ontem, a colocar perante os pilotos dois sectores selectivos que se revelaram exigentes e decisivos para os resultados finais.

Com 23 motos, 9 moto 4 e 22 UTV e Buggy os 56 participantes tiveram igualmente a companhia dos três pilotos que enfrentaram a prova integrados no Troféu Polaris ACE, para um total de 59 participantes nesta primeira ronda do campeonato organizada pela Escuderia de Castelo Branco, que desenhou além do prólogo com 9.620 metros, os dois sectores selectivos com 105.02 quilómetros e 118.91.

António Maio
António Maio

António Maio conseguiu aqui a sua quarta vitória da temporada e está agora a apenas nove pontos de poder atingir o seu primeiro título nacional absoluto. Roberto Borrego conseguiu o triunfo entre os moto 4, sendo o único a conseguir bisar na categoria em 2015 até ao momento, enquanto que João Lopes regressou ao degrau mais alto do pódio entre os UTV e Buggy depois de ter abandonado na ronda anterior realizada no Algarve.

António Maio foi o líder da competição nas motos desde o prólogo, que venceu logo na tarde de sexta-feira, tendo sentido maior oposição por parte de Mário Patrão no primeiro sector selectivo do segundo dia quando o campeão nacional ficou a apenas oito segundo do rival alentejano. Este respondeu no entanto da melhor forma no derradeiro troço e fechou a prova com uma vantagem superior aos três minutos naquela que foi a sua quarta vitória consecutiva neste nacional 2015.

Mário Patrão foi o segundo classificado na frente de Hélder Rodrigues, um excelente terceiro classificado no final de duas semanas em que assinou excelentes resultados a nível internacional e nacional com as suas participações nos Rallys da Tunísia, Sardenha e agora a Baja TT Proença-a-Nova/Oleiros/Mação.

Gustavo Gaudêncio venceu pela segunda vez entre os pilotos da categoria TT1, terminando na frente de Ruben Faria, este igualmente aos comandos de uma moto da mesma categoria, sendo o sexto posto final para Fausto Mota, o melhor entre os pilotos da classe reservada ás motos de maior cilindrada, a TT3.

Roberto Borrego
Roberto Borrego

Entre os moto 4 foi Roberto Borrego o vencedor, sendo também sempre líder desde o prólogo. Com esta segunda vitória do ano o alentejano recuperou pontos para os adversários, mas o segundo posto de Tiago Gomes, a mais de seis minutos do vencedor, permite-lhe ser ainda o primeiro no campeonato, após uma corrida onde António Moreira foi o terceiro, ele que venceu a prova anterior.

João Lopes assumiu a liderança dos UTV e Buggy igualmente no prólogo mas teve que enfrentar um rápido e inspirado Bruno Martins, o melhor entre os Buggy, que no final entregou apenas 22 segundos ao campeão nacional de 2012. Martins venceu o derradeiro troço mas Lopes fez a diferença no primeiro e no resultado final duas dezenas de segundos mostram bem o nível de competição entre os dois pilotos. O pódio ficou fechado com o espanhol Teo Vinaras.

João Lopes
João Lopes
Classificação final Moto
1º António Maio – Yamaha com 3h15m52s; 2º Mário Patrão – KTM a 3m03s; 3º Hélder Rodrigues – Yamaha a 5m01s; 4º Gustavo Gaudêncio – Honda a 9m13s; 5º Ruben Faria – KTM a 10m58s.
Classificação final Quad
1º Roberto Borrego – Yamaha com 3h17m00s; 2º Tiago Gomes – Suzuki a 6m13s; 3º António Moreira – Yamaha a 12m09s; 4º André Carita – Suzuki a 25m06s; 5º Alexandre Silva – Yamaha a 27m06s
Classificação final UTV/Buggy
1º João Lopes/Bruno Santos – Polaris com 3h36m44s; 2º Bruno Martins – Rage a 22s; 3º Teo Vinaras – Polaris a 7m08s; 4º Roberto Vinaras – Polaris a 8m49s; 5º Miguel Jordão – Polaris a 8m59s.
 
Classificações do Campeonato
Moto
1º António Maio, 80 pontos; 2º Mário Patrão, 51; 3º Ruben Faria, 46; 4º Fausto Mota, 43; 5º Gustavo Gaudêncio, 38; 6º David Megre, 37; 7º Hélder Rodrigues, 36.
 
Quad
1º Tiago Gomes, 67; 2º António Moreira, 63; 3º Beto Borrego, 40; 4º André Carita, 24; 5º Alexandre Silva, 22; 6º Ruben Alexandre, André Jesus e Bruno Ferreira, 17.
 
UTV/Buggy
1º João Lopes, 60; 2º Teo Viñaras, 50; 3º Dorothee Ferreira e Pedro Santinho Mendes, 42; 5º Miguel Jordão, 39; 6º Roberto Viñaras, 36; 7º Bruno Martins, 34.